Coisas do futebol… sem opções, treinador coloca goleiro reserva no ataque

  • 25 de outubro de 2017
  • Mário Freitas
  • Pinga Fogo
  • 0
  • 179 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio
CMS (Brisa de Esperança)
PMS (Operação Chuva 2)
PMS (Use Máscara)
PMS (Operação Chuva 1)
VIABAHIA (Maio Amarelo)
SECOM (Estado Solidário)

A segunda divisão do Campeonato Potiguar sempre tem histórias pitorescas. Depois de um enxame de abelhas ter atrasado o início da partida entre Mossoró EC e Palmeira-RN, foi a vez de um goleiro trocar de uniforme e atuar como atacante no duelo entre Força e Luz e Visão Celeste. Wilington "Pirulito" era a única opção no banco de reservas do Visão – o clube perdeu o prazo para regularizar os jogadores para a estreia na competição e teve que cortar seis atletas da relação – e precisou ser utilizado pelo técnico Hélio Florêncio durante a partida.

 

O Força e Luz, com time mais experiente, abriu 3 a 0 ainda no primeiro tempo, com três gols de Binha. Na segunda etapa, apesar do desgaste, o Visão foi melhor e diminuiu com Alesson. A situação ficou mais crítica quando o atacante Elias sentiu lesão – já estava machucado e entrou no jogo no "sacrifício" – e precisou ser substituído aos 41 minutos. Sem opção, Hélio olhou para Wilington e disse: "vai lá trocar de roupa". O goleiro correu no vestiário, tirou o uniforme de goleiro e pegou a camisa 20. Ouviu as orientações do treinador e foi para o jogo. Alto, ficou plantado no ataque, mas sequer teve a chance de tocar na bola. 

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
Nova Rádio
CMS (Brisa de Esperança)
PMS (Operação Chuva 2)
PMS (Operação Chuva 1)
PMS (Use Máscara)
SECOM (Estado Solidário)
LemosPassos
VIABAHIA (Maio Amarelo)
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *