Filho de Caio Júnior desmente pedido de 30 milhões de indenização

  • 5 de abril de 2017
  • Mário Freitas
  • Papo de bola
  • 0
  • 48 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio
CMS (Brisa de Esperança)
PMS (Operação Chuva 2)
PMS (Use Máscara)
PMS (Operação Chuva 1)
VIABAHIA (Maio Amarelo)
SECOM (Estado Solidário)

Em uma solenidade realizada na tarde desta quarta-feira, em Curitiba, quando o Paraná Clube inaugurou a sala de imprensa Caio Júnior, no estádio estádio da Vila Capanema, o filho do treinador, morto no final do mês de novembro, quando o avião que levava a delegação da Chapecoense, para o jogo contra o Atlético Nacional, pela Copa Sul-Americana, caiu nas proximidades de Medellin, negou que a família tivesse entrado na Justiça, cobrando 30 milhões de reais do clube catarinense.  Matheus Saroli informou que não teve nenhuma conversa com o advogado da família, sobre a valor da indenização que será pedida, embora reconheça que o caso cabe uma ação judicial, mas até o momento, ninguém falou em valores. Na noite da última terça feira, quando houve o jogo ( Chapecoense 2 x a 1 Atlético Nacional ), valendo pela Recopa, Saroli fez um desabafo nas redes soiciais sobre a maneira como a diretoria do clube vem tratando do assunto,. Segundo ele, a relação esfriou, em virtude da política que vem sendo adotada pelos novos dirigentes,

(Foto: Daniel Castellano/Gazeta do Povo)

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
Nova Rádio
CMS (Brisa de Esperança)
PMS (Operação Chuva 2)
PMS (Operação Chuva 1)
PMS (Use Máscara)
SECOM (Estado Solidário)
LemosPassos
VIABAHIA (Maio Amarelo)
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *