Final da Libertadores terá partida única à partir de 2019

  • 22 de fevereiro de 2018
  • Mário Freitas
  • Papo de bola
  • 0
  • 22 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio
PMS (Coronavírus 2021)
SECOM (Bahia Meu Orgulho)

A cúpula da Conmebol se reúne nesta sexta-feira em Punta del Este, no Uruguai, para tomar uma das decisões mais controversas de sua história: mudar o formato de disputa da final da Copa Libertadores da América para uma partida única, em lugar dos jogos de ida e volta.

Lima, capital do Peru, é a favorita a estrear o novo formato, a partir de 2019. O Rio de Janeiro chegou a se oferecer, mas a candidatura terminou inviabilizada pelos problemas de segurança do Estado e pela indefinição a respeito do Maracanã.

A edição atual da Libertadores, portanto, deve ser a última no formato consagrado de um jogo na casa de cada finalista – e o decisivo no estádio do time que fez melhor campanha no torneio.

A Conmebol está perto de finalizar o pacote comercial para o período de 2019-2022. Então é provável que a decisão de fazer a final em jogo único seja válida para esse período de quatro anos. Este é o projeto da direção da Conmebol. A reunião do Uruguai vai servir para que as federações nacionais referendem a decisão.

Foto: REUTERS/Marcos Brindicci
Informações : GE 

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
Nova Rádio
PMS (Coronavírus 2021)
SECOM (Bahia Meu Orgulho)
LemosPassos
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *