Italiano encerra jejum de 469 dias sem pódio na Moto GP

  • 26 de julho de 2020
  • Redação Em Cima do Lance
  • Automobilismo
  • 0
  • 36 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
LemosPassos
PMS (Dengue)
Realizações da Gestão

Valentino Rossi terminou o GP da Andaluzia deste domingo (26) na terceira colocação, encerrando um jejum de 469 dias desde o segundo lugar no GP das Américas do ano passado. O italiano fechou um pódio dominado pela Yamaha atrás de Fabio Quartararo e Maverick Viñales.

Ao fim da corrida, Rossi não titubeou e tratou de celebrar a vaga no top-3 diante de uma torcida fantasma. Apesar das arquibancadas vazias em Jerez de la Frontera, por conta da pandemia do novo coronavírus, o número 46 subiu na barreira de pneus para celebrar a volta ao pódio diante da arquibancada.

A MotoGP corre com o autódromo vazio por conta das medidas sanitárias decorrentes da pandemia.

“Acho que aquele é o lugar de algumas das minhas maiores comemorações, então eu fui para a multidão, pois em Jerez você tem de ir lá. Mas foi uma situação estranha, pois não tinha ninguém. Mas eu curti de qualquer forma”, comentou Rossi após a corrida. “Foi um abraço virtual para as pessoas em casa”, resumiu. Foto: Reprodução MotoGp

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
Realizações da Gestão
LemosPassos
PMS (Dengue)
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *