Marin pode pegar até sessenta anos de prisão

  • 22 de fevereiro de 2017
  • Mário Freitas
  • Papo de bola
  • 0
  • 22 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
LemosPassos
SECOM (Mais Investe)

A juiza Pamela K. Chan, do Tribunal Federal de Brooklyn, não aceitou um pedido de defesa feito pelos advogados do ex-presidente da CBF, José Maria Marin, na justiça dos Estados Unidos. Caso este recurso tivesse sido aceito, Marin seria julgado pelos crimes considerados "menos graves" e a sua pena máxima, em caso de condenação, seria bastante reduzida. Agora, especialistas estimam que se for condenado por todos os crimes dos quais é acusado, o ex-presidente da CBF, morrerá na prisão, uma vez que pode pegar até sessenta anos de reclusão.

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
SECOM (Mais Investe)
LemosPassos
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *