Marreta perde para Jon Jones por decisão dividida

  • 7 de julho de 2019
  • Mário Freitas
  • Eles
  • 0
  • 72 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio
CMS (Brisa de Esperança)
SECOM (Situação Grave)
PMS (Ações Sociais)

As chances de Thiago Marreta não eram grandes antes do combate deste sábado. Azarão absoluto na luta principal do UFC 239, ele falou durante a semana que pretendia chocar o mundo, demonstrando ter ciência de que do outro lado estava um fora de série. Mas a margem de favoritismo de Jon Jones não foi vista dentro do octógono. Com uma performance de alto nível, o brasileiro vendeu caro o duelo, mas perdeu por decisão dividida (48-47, 47-48 e 48-47), em Las Vegas (EUA), pelo cinturão do peso-meio-pesado (até 93kg).

 

A atuação de Jones passou longe do domínio que muitos esperavam, e o resultado chegou a ser vaiado pelo público na T-Mobile Arena.. Mas o fato é que agora são 25 vitórias, uma derrota e um "No Contest" (luta sem resultado) na carreira do campeão dos meio-pesados. Foi a 13ª luta de título que ele venceu, igualando o recorde de Georges St-Pierre.

 

Foto: Getty Images

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
Nova Rádio
CMS (Brisa de Esperança)
SECOM (Situação Grave)
LemosPassos
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *