• 23 de abril de 2017
  • Mário Freitas
  • Papo de bola
  • 0
  • 22 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio
CMS (Brisa de Esperança)
PMS (Operação Chuva 2)
PMS (Use Máscara)
PMS (Operação Chuva 1)
VIABAHIA (Maio Amarelo)
SECOM (Estado Solidário)

Rio de Janeiro e Osasco fizeram neste domingo, na Arena da Barra, mais um superclássico na final da Superliga Feminina de Vôlei. E com a garra o Rio voltou a fazer história.

Em duelo marcado por reviravoltas, as cariocas venceram o Osasco por 3 sets a 2, parciais 25/19, 22/25, 25/22, 18/25 e 15/6. Em sua 13ª final seguida, o Rio chega ao 12º título de sua história e se firma cada vez mais como maior potência do vôlei nacional.

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
Nova Rádio
CMS (Brisa de Esperança)
PMS (Operação Chuva 2)
PMS (Operação Chuva 1)
PMS (Use Máscara)
SECOM (Estado Solidário)
LemosPassos
VIABAHIA (Maio Amarelo)
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *