Search
Close this search box.

Bahia negocia redução salarial de atletas, funcionários e diretoria

Em tempos de pandemia do Covid-19, que levou a suspensão dos eventos esportivos em todo o mundo,  os clubes de futebol buscam amenizar o lado financeiro e negociam a redução salarial com seus jogadores e funcionários. No Bahia, até mesmo a diretoria passará pela medida para reduzir os gastos.

Em entrevista à TV Bahia, Guilherme Bellintani, presidente do clube, disse que um estudo está sendo preparado para que o plano de ação seja feito. Enquanto isso, o clube negocia com fornecedores e funcionários para equalizar os gastos. E, neste ponto, entra inclusive o salário de diretores e do próprio presidente.

“Vai atingir o salário de atletas, de diretores e também o meu, presidente do clube. É hora de cada um fazer um pouco de esforço, cortar o seu salário, para que a gente consiga sobreviver num momento tão difícil, tanto no quesito de saúde quanto de economia”, disse o dirigente.

De acordo com Bellintani, os atletas estão sendo solícitos neste momento. O corte, no entanto, não atingirá o elenco feminino.

“Já conversamos com atletas. Conversa muito franca, muito aberta. Estão dispostos a ajudar. Vai atingir todo o grupo. Estamos deixando o feminino de fora porque já tem valor baixo de salário, não seria justo”, acrescentou o dirigente.

 

 

 

Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *