Search
Close this search box.

Com a mãe ameaçada por criminosos, atacante Paolo Guerrero desiste de jogar no Peru

O atacante Paolo Guerrero desistiu de jogar pelo Universidad César Vallejo, do Peru, por causa de ameaças feitas à sua mãe, por criminosos, informou César Acuña, dono do clube e governador da região de La Libertad, em entrevista a veículos peruanos na terça-feira (13).

A contratação já havia sido anunciada e seria a primeira vez que Guerrero jogaria em seu país natal, por isso havia muita expectativa, mesmo ele já tendo 40 anos.

Acuña disse, ainda, que o atacante pediu o rompimento do contrato e disse que está trabalhando em um acordo para ter uma rescisão amigável. “Eu entendo o Paolo. No mesmo dia em que ele assinou o contrato, criminosos fizeram ameaças à mãe dele. Acho que ele está avaliando, está pensando: é a família ou o futebol. Eu faria o mesmo. Ligaram para a mãe dele e a ameaçaram”.

( Foto Divulgação Twitter Paolo Guerrero)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *