Search
Close this search box.

Cruzeiro ainda não pagou multa rescisória de Adilson Batista

Além dos débitos com clubes, jogadores, parceiros e também treinadores, o Cruzeiro ainda não pagou a Adilson Batista o valor de R$ 500 mil, referente à multa pela rescisão contrato.

Adilson e Cruzeiro discutiram a forma de pagamento da multa logo após a demissão do treinador. Entretanto, o valor ainda não foi pago pelo clube mineiro. E, provavelmente, será uma das heranças deixadas para o novo presidente celeste, que assumirá o posto em junho.

O treinador cruzeirense é mais um a entrar na lista daqueles que ainda precisam receber do clube. Ainda há débitos com o português Paulo Bento, em caso até levado à Fifa, e também os que estiveram no clube ano passado: Mano Menezes, Rogério Ceni e Abel Braga.

 

 

Foto: BRUNO HADDAD/CRUZEIRO

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *