Defesa quer que Marin cumpra prisão domiciliar

  • 22 de agosto de 2018
  • Mário Freitas
  • Papo de bola
  • 0
  • 56 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio
VIABAHIA (Institucional)
PMS (Coronavírus_Prevenção)
JL CONTABILIDADE (novo endereço)
Motivo -> Prevenção (PMS)
SECOM (Estado Solidário)
CMS (Coronavírus)
PMS (Coronavírus)
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Os advogados do ex-presidente da CBF, José Maria Marin, vão recorrer da decisão da corte de Nova York, se a sentença que será anunciada ainda nesta quarta-feira contra o ex-dirigentea inclua um período extenso de prisão ou uma pesada multa. A juíza americana Pamela Chan vai anunciar a sentença contra o brasileiro, já condenado por seis crimes e prejuízos milionários ao futebol.
A tesede defesa é recorrer à Corte de Apelação e, ao mesmo tempo, solicitar que Marin espere a decisão em prisão domiciliar, levando-se em consideraçãoo o fato de ele ter um apartamento em Nova York e de ter demonstrado, entre 2015 e 2017, que não existiria risco de fuga.
Destavforma, o objetivo é prolongar ao máximo uma decisão final, garantindo ao brasileiro mais tempo em sua própria residência. De acordo com sua defesa, o cenário de aceitar a culpa nos crimes denunciados, como fizeram os demais ex-cartolas presos pelo FBI, está descartado. Foto: Divulgação 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
Nova Rádio
PMS (Coronavírus_Prevenção)
JL CONTABILIDADE (novo endereço)
CMS (Coronavírus)
SECOM (Estado Solidário)
LemosPassos
Motivo -> Prevenção (PMS)
PMS (Coronavírus)
VIABAHIA (Institucional)
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *