Goleiro com celular em campo, fazia parte de ação social

  • 14 de maio de 2018
  • Mário Freitas
  • Eles
  • 0
  • 87 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio
VIABAHIA (Institucional)
JL CONTABILIDADE (novo endereço)
PMS (abandono de animais_DOG)
PMS (abandono de animais-GATO)
PMS (Coronavírus – Fase Verde)
Café Seu Jorge (O Sabor do Puro Café)
SECOM (VLT Subúrbio)
CAM. MUN. STO ANTO DE JESUS
PMS (Coronavírus Hebert Vacinação)
CMS (Portas)
Viabahia (Semana Nacional de Trânsito)
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Atlético-PR realizou uma entrevista coletiva para explicar que o goleiro Santos usando o celular antes do jogo contra o Atlético-MG faz parte de uma campanha por conscientização no trânsito. O Uber, aplicativo de transportes que patrocina o clube, participou da ação.

 

O camisa 1 pegou o celular no minuto de silêncio, caminhou na pequena área e, quando Luiz Flavio de Oliveira apitou, ele recolocou o aparelho ao lado do gol – o árbitro não registrou nada na súmula. O SporTV e alguns torcedores registraram.

 

A iniciativa faz parte da campanha "maio amarelo", que tem o objetivo de alertar para os riscos de mexer no celular e perder a atenção enquanto dirige. O próprio goleiro Santos e o segundo vice-presidente do clube, Marcio Lara, concederam entrevista. Além disso, o clube exibiu um vídeo com imagens de Santos e dados do trânsito, como os 400 mil acidentes por ano.

 

– Eu também ficaria indignado por ter levado o celular para o campo, assim como quero que fiquem indignados com quem usa no carro. Mais do que tomar um gol, você pode sofrer um acidente por causa de uma distração com o celular. Esse foi o motivo de o celular estar ali antes de começar o jogo – afirmou o goleiro Santos.

 

O uso do aparelho, segundo as regras do futebol, poderia provocar o cartão amarelo. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira, porém, não viu e, por isso, não puniu o jogador. Marcio Lara explicou que o Atlético-PR não pediu autorização para a CBF (Confederação Brasileira de Futebol), mas que não temia uma punição pela importância social da campanha.

 

– Não foi pedido autorização justamente para que essa campanha tivesse um resultado efetivo. Mas como entendemos que isso não causou nenhum tipo de problema a nível esportivo, até porque foi feito antes de a bola rolar, não pedimos autorização. Como era uma campanha de conscientização, acreditamos que não precisaria autorização.

 

Informações:  GE

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
Nova Rádio
JL CONTABILIDADE (novo endereço)
PMS (Coronavírus – Fase Verde)
Café Seu Jorge (O Sabor do Puro Café)
PMS (Coronavírus Hebert Vacinação)
CMS (Portas)
Viabahia (Semana Nacional de Trânsito)
LemosPassos
PMS (abandono de animais_DOG)
SECOM (VLT Subúrbio)
CAM. MUN. STO ANTO DE JESUS
VIABAHIA (Institucional)
PMS (abandono de animais-GATO)
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *