Morre a única mulher que presidiu o Corinthians

  • 3 de julho de 2019
  • Mário Freitas
  • Elas
  • 0
  • 202 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio
VIABAHIA (Institucional)
JL CONTABILIDADE (novo endereço)
PMS (abandono de animais_DOG)
PMS (abandono de animais-GATO)
PMS (Coronavírus – Fase Verde)
Café Seu Jorge (O Sabor do Puro Café)
SECOM (VLT Subúrbio)
CAM. MUN. STO ANTO DE JESUS
PMS (Coronavírus Hebert Vacinação)
CMS (Portas)
Saneamento Básico (PMS)
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

 Morreu nesta terça-feira (02) Marlene Matheus aos 82 anos. Ela era iúva do famoso Vicente Matheus, e  foi a única mulher presidente do Corinthians, com mandato entre 1991 e 1993. A causa da morte não foi revelada pelos familiares. 
Marlene assumiu o clube porque seu marido na época estava impedido de buscar uma nova reeleição. A solução do folclórico presidente do Corinthians foi promover a sua mulher , que conseguiu ser eleita com 2.119 votos. Dentro de campo, o Corinthians não obteve o sucesso esperjado. Foram apenas dois vice-campeonatos paulistas durante a sua gestão, com derrotas para seus maiores rivais: Palmeiras e São Paulo.
Em 2007, quando o time caiu para a Série B, o presidente Andrés Sanchez aproveitou o carisma de Marlene e a anunciou como vice-presidente social. Ela não ficou muito tempo no cargo e rompeu com o atual mandatário do Corinthians. No ano passado, ela apoiou a candidatura de Antônio Roque Citadini na eleição, que perdeu para Andrés. Foto / Divulgação 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
Nova Rádio
JL CONTABILIDADE (novo endereço)
PMS (Coronavírus – Fase Verde)
Café Seu Jorge (O Sabor do Puro Café)
PMS (Coronavírus Hebert Vacinação)
CMS (Portas)
LemosPassos
PMS (abandono de animais_DOG)
SECOM (VLT Subúrbio)
CAM. MUN. STO ANTO DE JESUS
Saneamento Básico (PMS)
VIABAHIA (Institucional)
PMS (abandono de animais-GATO)
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *