Search
Close this search box.

V- Varen do Japão volta a exigir do Santos pagamento de multa para liberar o treinador Fábio Carille

O impasse envolvendo o Santos,  o V-Varen Nagasaki, do Japão e o técnico Fábio Carille esta longe de chegar ao fim e ganhou um novo e grave capítulo neste sábado (13).Em dura nota oficial, o clube japonês voltou a dizer que segue exigindo o pagamento integral da multa rescisória para liberar o treinador, algo que o Santos se recusa a fazer.

O clube japonês deu detalhes das negociações entre as partes e reclamou pelo fato do Alvinegro ter mudado sua posição em meio às conversas.Em tom forte, o V-Varen, inclusive, chegou a chamar a situação de “inaceitável” e prometeu “tomar as medidas cabíveis” contra o clube brasileiro.

A nota dos japoneses foi em resposta ao fato do Santos ter decidido registrar o contrato de Carille com o time da Baixada na CBF, na última sexta-feira (12).

Segundo o Santos, o técnico estava liberado para assinar vínculo com outro clube a partir de 1º de janeiro de 2024 ,ou seja, não haveria multa rescisória, que está em torno de R$ 7, 5 milhões.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *