Copa Davis: decisão ficou para o último jogo

  • 8 de abril de 2018
  • Mário Freitas
  • Eles
  • 0
  • 58 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio

Depois de uma grande vitória da dupla de Marcelo Melo e Marcelo Demoliner, Thiago Monteiro entrou em quadra com a chance de definir o confronto com a Colômbia. Porém, o brasileiro sofreu com a boa atuação de Daniel Galán (257º do ranking), que contou com o apoio do torcedor em Barranquilla, e acabou derrotado por 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 6/3, no quarto jogo da série melhor de cinco.

 

– Não joguei como gostaria, tive alguns problemas estomacais durante a partida. Galán é um jogador muito bom, muda de direção muito bem, a velocidade, saca muito bem, estava muito sólido. Tinha que estar em um dia melhor para ter mais chances – disse Monteiro.

 

Com empate da Colômbia em 2 a 2, o Brasil depende de João Sorgi, que enfrenta Alejandro González na sequência, para voltar à repescagem do Grupo Mundial, em setembro. Quem vencer, avança na Copa Davis, enquanto os derrotados voltam a disputar o Zonal Americano em 2019.

 

 Foto: Divulgação / Federação Colombiana de Tênis

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
Viabahia
ALBA
Nova Rádio
LemosPassos
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *