• 21 de maio de 2017
  • Mário Freitas
  • Papo de bola
  • 0
  • 61 Visualizações
Compartilhe
RR
Jl Contabilidade
BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
LemosPassos
Nova Rádio
VIABAHIA (Institucional)
PMS (Dengue)
PMS (Coronavírus_Prevenção)
SECOM
JL CONTABILIDADE (novo endereço)
CMS (Coronavírus)

Aos 20 anos, o alemão Alexander Zverev mostrou porque é o principal nome da nova geração. Ele derrubou o sérvio Novak Djokovic por 6/4 e 6/3, e conquistou o Masters 1000 de Roma, o primeiro da carreira.

Zverev se tornou o primeiro tenista nascido na década de 90 a conquistar um título de Masters 1000, algo que tenistas como Juan Martin del Potro, Grigor Dimitrov, Kei Nishikori e Milos Raonic nunca conseguiram fazer.  

Em 95 finais, Djokovic só não teve break points em três finais: a de hoje e contra Federer, em Cincinnati 2012 e 2015.  

Com a conquista, o alemão subirá sete posições e aparecerá pela primeira vez na carreira como 10º colocado da ATP, o mais novo desde 2008, quando o argentino Juan Martin del Potro entrou no grupo dos dez melhores. 

Ele já é o número 4 no ranking da temporada, apenas atrás de Dominic Thiem, Roger Federer e Rafael Nadal. Vários tenistas já o apontam como o "futuro número 1 do mundo", inclusive o próprio Nadal.

 

Informações: Sportv

BRAVO
INTERNACIONAL TRAVESSIAS
ALBA
Nova Rádio
PMS (Coronavírus_Prevenção)
PMS (Dengue)
SECOM
JL CONTABILIDADE (novo endereço)
CMS (Coronavírus)
LemosPassos
VIABAHIA (Institucional)
RR
Jl Contabilidade
Compartilhar:

Deixe sua opinião

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *